Campos do Jordão, 22 de setembro de 2020.

set
05
2020

O Museu Felícia Leirner e o Auditório Claudio Santoro Estão Abertos

por: - Atualizado: 05/09/2020 10:40
Apenas visitações estão autorizadas, com tempo de permanência reduzido e até 60% da capacidade dos espaços; programação on-line permanece

O Museu Felícia Leirner e Auditório Claudio Santoro, instituições da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, geridas pela ACAM Portinari Portinari, serão reabertos para o público neste sábado (5), a partir das 9h. Após quase seis meses fechados, devido à pandemia do novo coronavírus, os equipamentos retomarão a visitação com capacidade reduzida para 60% e tempo de permanência restrito.

Para o passeio cultural será solicitado ao público a utilização de máscaras (obrigatório), distância de 2 metros entre as pessoas, respeito à capacidade máxima de cada ambiente e aos horários de saída, seguir o percurso orientado pelos funcionários e atenção às lixeiras especificas para descarte de máscaras e lenços.

A fim de evitar aglomerações e preservar a saúde da equipe e visitantes, as atividades educativas e culturais permanecem on-line. Nesta sexta-feira (4), por exemplo, tem a ação para professores Poesia Para Todas as Idades, que busca sensibilizar as pessoas para o lado poético, propondo que façam suas próprias representações dos poemas de Felícia Leirner e de Cecília Meireles.

Sábado (5) é dia de conferir o vídeo de Gustavo Falsetti, formado em Ciências Sociais e especializado em indigenismo. Ele falará sobre a maior floresta tropical do mundo e os desafios de preservação. No feriado da próxima segunda-feira (7), a família poderá se reunir para participar de uma oficina educativa sobre a brincadeira da amarelinha. A educadora Roseli ensinará uma adaptação que utiliza as mãos, o que ajuda no conhecimento de direção, além de auxiliar a coordenação motora e o equilíbrio.

Na quarta-feira (9) tem mais uma edição do Família Legal, que será mediada pela estagiária de educação, Nicoli Pereira. Ela vai propor que as crianças construam seu próprio livro coletando materiais encontrados na natureza e desenhando e relatando suas observações.

Quem está convidado para a oficina de 11 de setembro, sexta-feira, são os idosos. O vídeo Desenho com palitos de sorvete ensinará algumas possibilidades de criação com palitos para estimular a coordenação motora por meio da pintura com guache e a criatividade na escolha das cores, além disso desenvolver a criatividade para elaborar desenhos e trabalhar habilidades cognitivas, como a atenção, o pareamento de cores e quantidades, a organização e a imaginação.

No domingo (13), um vídeo fará a tradução em Libras da música “Paciência”, do Lenine. A dinâmica tem como objetivo ampliar a ligação com a comunidade surda e salientar a importância da inclusão.

Todas as atividades estarão disponíveis pelas redes sociais (Facebook e Instagram – @museufelicialeirner) e, também, na página especial da programação do #CulturaEmCasa: www.museufelicialeirner.org.br/culturaemcasa.

Ingressos:
Inteira = R$10,00 por pessoa ( compre online )
Meia = R$ 5,00 por pessoa ( compre online )

Formas de pagamento
Dinheiro, Cartão de Crédito/Débito ou Vale Cultura (não aceitamos cheques)

Gratuidade

  • Público em geral aos domingos;
  • Moradores de Campos do Jordão, todos os dias, mediante apresentação de documento comprobatório;
  • Crianças até os 10 anos de idade, mediante a apresentação do documento de identidade;
  • Pessoas com deficiência e o respectivo acompanhante;
  • Professores, coordenadores, diretores, supervisores, quadro de apoio escolar e seus familiares*, mediante a apresentação do último holerite, acompanhado de documento de identidade;
  • Estudantes de escolas públicas e privadas do ensino fundamental e médio, mediante a apresentação de documento comprobatório;
  • Associados do ICOM, mediante a apresentação da carteira da organização e do documento de identidade;
  • Profissionais de Museus, mediante a apresentação de documento comprobatório;
  • Guias de turismo, mediante apresentação de documento comprobatório;
  • Motorista de táxi, ônibus e van, conduzindo os visitantes;
  • Funcionários das Organizações Sociais gestoras de museus e programas culturais do Estado de São Paulo, mediante a apresentação de crachá ou da carteira funcional;
  • Funcionários da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, mediante a apresentação de crachá ou da carteira funcional;
  • Policiais militares, civis, técnico-científicos e seus familiares*, mediante a apresentação do último holerite, acompanhado de documento de identidade;
  • Portadores do “Passaporte dos Museus” (válido para 1 visita) que utilizarem o mesmo até sua data de vencimento;
  • Associados ao programa de parceiros, mediante apresentação da carteira de sócio.

 

*Serão considerados familiares, o cônjuge ou companheiro(a), os filhos e menores tutelados ou sob guarda, mediante comprovação documental. Para que os familiares tenham acesso ao benefício, é necessária a presença do titular do direito da gratuidade.

Informações

Para que todos aproveitem a visita, as seguintes regras e orientações devem ser seguidas:

  • As pessoas com deficiência, os idosos com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, as gestantes, as lactantes e as pessoas acompanhadas por crianças de colo terão acesso preferencial. (Lei federal n.° 10.048, de 8 de novembro de 2.000);
  • Crianças menores de 10 anos devem estar acompanhadas pelos pais e/ou responsáveis. (Lei federal n.° 8.069, de 13 de julho de 1.990, artigo 75, parágrafo único);
  • O consumo de bebidas e alimentos dentro do museu será permitido apenas nas áreas autorizadas sob orientação. Há bebedouros na entrada do Foyer.
  • É permitido tirar fotos e filmar apenas para uso particular, nas dependências do museu. Para outros fins informar-se pelo telefone (+ 55 12) 3662.6000. (Lei federal n.° 11.904/09, artigo 42 e decreto federal n.° 8.124/2013, artigo 27);
  • Não é permitido fumar dentro do auditório (Lei estadual nº 13.541/09) e no Museu somente em área externa para essa finalidade sob orientação;
  • Recomenda-se não utilizar o celular durante a visitação e apresentações;
  • É permitido ao visitante entrar com animais domésticos nas áreas descobertas desde que com coleiras e focinheiras para as raças determinadas por Lei;
  • Não é permitido ao visitante alimentar os animais silvestres, encontrados no entorno do museu;
  • Não está autorizado o toque nas obras. Quando for possível interagir com essas, tal informação será dada pelos educadores, que orientarão o visitante sobre como fazê-lo sem riscos;
  • O visitante deve preservar as flores e as plantas, já que estas fazem parte do patrimônio ambiental do museu;
  • O visitante deve jogar lixo no lixo. O museu tem lixeiras distribuídas por todo o percurso e faz coleta seletiva.
Hotel Vila Inglesa

Sobre o Portal NetCampos

Lançado em Janeiro de 2004, o Portal NetCampos se tornou um dos mais completos Portais sobre Campos do Jordão na internet, oferecendo informações para um público que realmente se interessa e visita a cidade.

Logo NetCampos
Guia Turístico e informativo de Campos do Jordão com dicas de hotéis, pousadas, restaurantes, imobiliárias, passeios e muito mais!
Copyright © 2004-2016 - Portal NetCampos - Av. Januário Miráglia, 2342 - Campos do Jordão - SP 12460-000 - (12) 3663-7321