Amigos da Arte divulga cidades selecionadas para o Revelando SP

A ação faz parte do #JuntosPelaCultura, programa de difusão cultural ligado à Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo de São Paulo

por: Alan Germano ( 2 semanas atrás ) - Atualizado: 14/06/2022 13:40

O projeto Revelando SP acaba de anunciar os 280 participantes da edição deste ano. Lançado em 1997, o Revelando SP tem por objetivo fomentar as tradições culturais que ajudam a contar parte da nossa história por meio de manifestações artísticas, como artesanato, música, dança e gastronomia. O evento, que este ano volta ao formato presencial, será realizado de 20 a 24 de julho, no Parque da Água Branca, na capital paulista.

A ação faz parte do #JuntosPelaCultura, programa de difusão cultural ligado à Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo de São Paulo e gerido pela organização social Amigos da Arte. Este ano, R$ 6 milhões serão investidos no programa. A expectativa do #JuntosPelaCultura é de um impacto econômico de R$ 71 milhões com geração de empregos diretos e indiretos.

”A cultura é um dos principais ativos de São Paulo. Gera 3,9% do PIB estadual e um milhão e meio de empregos diretos. Tem alto impacto na geração de inclusão e desenvolvimento e um vasto potencial de crescimento. É por isso que o Governo de São Paulo tem o maior conjunto de programas de fomento à cultura do Brasil em nível estadual e, mais uma vez, com um valor recorde. O valor de 2022 representa 4 vezes o que foi investido no ano passado, quando tivemos 12 chamadas públicas e R$10,64 milhões em recursos. Este ano o impacto econômico do programa está previsto em R$71 milhões, contra R$17,2 milhões de 2021”, afirma o secretário de Cultura e Economia Criativa Sérgio de Sá Leitão.

“Mais uma vez a Secretaria de Cultura do governo de São Paulo aposta no setor com uma política cultural que vai muito além de financiar projetos, o #JuntosPelaCultura tem um valor intrínseco de gerar oportunidades para o desenvolvimento de parcerias entre governo, municípios, organizações e artistas”, afirma Danielle Nigromonte, diretora-geral da Amigos da Arte.

Lista completa das cidades selecionadas:

Entre as cidades do interior e litoral, além da capital paulista, selecionadas para a categoria Artesanato estão Américo Brasiliense, Apiaí, Araçatuba, Areias, Avaí, Barra do Chapéu, Bom Sucesso de Itararé, Cajati, Campinas, Cananéia, Capão Bonito, Caraguatatuba, Carapicuíba, Eldorado, Elias Fausto, Embu, Guararema, Guaratinguetá, Guarulhos, Ibitinga, Iguape, Ilha Comprida. Iporanga, Guarulhos, Ibitinga, Iguape, Iporanga, Itanhaém, Itaóca, Itapeva, Itararé, Jaú, Joanópolis, Lorena, Mairiporã, Miracatu, Mogi das Cruzes, Mongaguá, Monteiro Lobato, Nuporanga, Osasco, Ourinhos, Paraibuna, Pedra Bela, Peruibe, Pindamonhangaba, Piracaia, Pirapora do Bom Jesus, Presidente Epitácio, Presidente Prudente, Queluz, Registro, Rincão, Sales Oliveira, Salesópolis, Salto de Pirapora, Santa Fé do Sul, São Bento do Sapucaí, São Luís do Paraitinga, São Paulo, São Sebastião, Silveiras, Taubaté, Ubatuba e Votorantim.

Entre as cidades do interior e litoral, além da capital paulista, selecionadas para a categoria Culinária estão Américo Brasiliense, Araçatuba, Arujá, Barra Bonita, Barra do Chapéu, Batatais, Biritiba-Mirim, Boituva, Bragança Paulista, Caçapava, Cananéia, Capão Bonito, Caraguatatuba, Cruzeiro, Eldorado, Guararema, Guaratinguetá, Indaiatuba, Itaóca, Itapetininga, Itapira, Itu, Jacareí, Jambeiro, Jarinu, Joanópolis, Lagoinha, Monteiro Lobato, Nazaré Paulista, Palmital, Pariquera-Açu, Pedra Bela, Pindamonhangaba, Piquete, Pirapora do Bom Jesus, Praia Grande, Redenção da Serra, Registro, Santa Fé do Sul, São João da Boa Vista, São Luís do Paraitinga, São Paulo, São Pedro, São Sebastião, São Vicente, Sarapuí, Silveiras, Suzano, Tarumã, Taubaté e Tremembé.

Entre as cidades do interior e litoral, além da capital paulista, selecionadas para a categoria Manifestações Artísticas estão Atibaia, Barretos, Bauru, Biritiba-Mirim, Bragança Paulista, Cabreúva, Caçapava, Cajamar, Campinas, Cananéia, Capivari, Caraguatatuba, Cotia, Eldorado, Guaratinguetá, Embu, Guarulhos, Iguape, Indaiatuba, Itaberá, Itaóca, Itu, Jacareí, Jarinu, Lagoinha, Lençóis Paulista, Mairiporã, Mococa, Mogi das Cruzes, Mongaguá, Monte Aprazível, Monteiro Lobato, Nova Granada, Pardinho, Pedra Bela, Pindamonhangaba, Piquete, Piracaia, Piracicaba,Piraju, Pirapora do Bom Jesus, Porto Feliz, Redenção da Serra, Ribeirão Grande, Ribeirão Preto, Salto do Pirapora, Santa Bárbara d´Oeste, Santa Cruz das Palmeiras, Santa Isabel, Santana de Parnaíba, Santo Antônio da Alegria, Santo Antonio do Sapucaí, São José do Rio Preto, São Luís do Paraitinga, São Paulo, São Sebastião, Sertãozinho, Silveiras, Taboão da Serra. Tatuí, Torrinha, Ubarana, Várzea Paulista e Votorantim.

Entre as cidades do interior selecionadas para a categoria Estandes Turísticos estão Elias Fausto, Ibitinga, Iguape, Monteiro Lobato, Ourinhos, Piraju, Santa Isabel, São Bento do Sapucaí, São João da Boa Vista e São Pedro.

A lista com as cidades suplentes pode ser consultada no site da Amigos da Arte.

JuntosPelaCultura

O programa visa fomentar a produção, ampliar o acesso à arte e à cultura e, de forma simplificada, articular o estado, prefeituras e segmentos artísticos para a realização de ações culturais, eventos e atividades da economia criativa. Por meio de chamadas públicas, o Juntos Pela Cultura viabiliza parcerias para a execução dos principais programas de difusão cultural paulistas, com gestão da Amigos da Arte.

Desde 2019, o programa já contou com o lançamento de 25 chamadas públicas para municípios, para artistas e para organizações, com mais de quatro mil propostas inscritas. As seleções foram realizadas por júris especializados e comissões com maioria da sociedade civil, resultando em 1.977 projetos selecionados. Desses, 1.256 oriundos de prefeituras e 721 projetos de artistas, produtores culturais e organizações.

Amigos da Arte

A Amigos da Arte, Organização Social de Cultura responsável pela gestão do Teatro Sérgio Cardoso, Teatro Sérgio Cardoso Digital e Teatro de Araras, além da plataforma de streaming e vídeo por demanda #CulturaEmCasa, trabalha em parceria com o Governo do Estado de São Paulo e a iniciativa privada desde 2004. Música, literatura, dança, teatro, circo e atividades de artes integradas fazem parte da atuação da Amigos da Arte, que tem como objetivo fomentar a produção cultural por meio de festivais, programas continuados e da gestão de equipamentos culturais públicos. Em seus mais de 17 anos de atuação, a Organização desenvolveu cerca de 60 mil ações que impactaram mais de 30 milhões de pessoas.